PERGUNTAS FREQUENTES

A alimentação nas semanas que antecedem a cirurgia deve ser mais regrada. O ideal é que os alimentos sejam mais leve, pouco fermentados. A alimentação rica em nutrientes propicia uma cicatrização mais eficaz. O sistema imune também recebe contribuição de uma alimentação com grande variedade de vitaminas e proteínas. Esse preparo para a cirurgia é muito importante. Sua cirurgia não começa quando você entra no centro cirúrgico, todos os cuidados pré operatórios irão contribuir pra uma recuperação mais adequada. Fique atento, cuide de você, do seu corpo e da sua cirurgia.

A publicação de fotos de antes e depois não são permitidas pelo Conselho Federal de Medicina porque pode fazer com que o paciente seja iludido sobre o resultado de uma cirurgia ou procedimento. Você acha que deve confiar a sua cirurgia, o seu corpo para alguém que não respeita as leis? Mais importante do que essas fotos é a confiança no seu médico, saber que ele é especialista da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, poder confiar que ele estará com você esclarecendo suas dúvidas no pré-operatório e acompanhando a sua recuperação no pós-operatório. Tome uma decisão consciente!

Exames pré operatórios são fundamentais para sua cirurgiã, anestesiologista e cardiologista avaliarem o risco da cirurgia. Eles têm validade entre 3-6 meses. São avaliados risco de sangramento aumentado, possíveis arritmias dentre outras alterações.

Lembre-se de informar ao seu Cirurgião Plástico sobre as medicações que você usa. Alguns medicamentos devem ser suspensos por 3, 7 , 21 dias... Muitos causam alteração da coagulação e podem prejudicar o seu procedimento. Informe também sobre ervas e medicamentos homeopáticos.

O Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) proíbem a divulgação dos custos dos procedimentos pela Resolução N º 1.836/2008 do CFM. O que a Resolução diz é que “cabe ao médico, após os procedimentos de diagnóstico e indicação terapêutica, estabelecer o valor e modo de cobrança de seus honorários, observando o contido no Código de Ética Médica, referente à remuneração profissional”. Por isso, para saber qual será o valor da sua cirurgia, é necessário que você passe por uma consulta com o cirurgião plástico. ⠀ Será avaliada a indicação precisa da cirurgia, exame físico, solicitação de exames e a partir daí a sua cirurgia será planejada. Geralmente o orçamento leva em consideração: honorários do cirurgião; gastos com hospital ou centro cirúrgico; honorários do anestesista; gastos com medicamentos; exames médicos; outros (malhas pós-operatórias, próteses de silicone, sutiã cirúrgico, etc). Não é questão de opinião, é uma resolução... Não existe uma forma segura e legal de saber o valor da cirurgia plástica que não seja se consultando com o cirurgião plástico. Escolher um profissional que seja especialista da SBCP e que se relaciona bem com os pacientes é tão importante quanto o custo final da cirurgia.

O médico esteticista não só não é cirurgião plástico como detém pouco conhecimento ou capacitação na área. O domínio e conhecimento das técnicas de cirurgia plástica que possuem é inferior ao de um cirurgião da área, que somente após cinco anos de residência médica obtém o título de especialista. O CFM, a AMB e a Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM), que integram a Comissão Mista de Especialidades (CME), não reconhecem especialidades médicas com tempo de formação menor a dois anos. A qualificação do médico, de qualquer área, porém, especialmente dos cirurgiões plásticos, é muito importante e nunca deve ser desconsiderada no momento de cuidar com a própria saúde. via Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Você já deve ter ouvido falar que cirurgia plástica e cigarro não combinam, certo? Mas, por quê? A nicotina e outras toxinas geram redução do calibre dos vasos, isso dificulta a chegada de sangue nos tecidos. Há então prejuízo na cicatrização e maior risco de necrose. Além disso há também maior risco de trombose e embolia pulmonar. O ideal é que o tabagismo seja parado pelo menos um mês antes da cirurgia!!

Há poucas restrições para fazer cirurgia plástica. Em geral, o que está descrito em quase todos os procedimentos do site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica é que eles são mais indicados para:
- indivíduos saudáveis que não tenham doença com risco de morte ou condições médicas que possam prejudicar a cicatrização;⠀
- não fumantes;
- indivíduos com visão positiva e metas específicas dos resultados.
Algumas doenças pré-existentes dificultam a recuperação do organismo após um grande trauma cirúrgico ou podem desencadear complicações durante a realização do procedimento. O cigarro prejudica a cicatrização da pele, por isso, o ideal é que a paciente não fume. No entanto, esse não é um grande impeditivo para a realização de uma cirurgia plástica. Só é importante que se deixe de fumar durante o período recomendado pelo cirurgião plástico antes e depois da cirurgia para facilitar a recuperação. O maior alerta é para o fato de que as cirurgias plásticas devem ser feitas para satisfação pessoal, nunca para agradar ou atender ao desejo de outro.

Os cuidados pós operatórios são muito importantes para que a evolução da cirurgia transcorra de forma mais tranquila. ⠀
- O tipo e o tempo de repouso irão variar conforme o procedimento cirúrgico realizado. ⠀
- É importante evitar sol e após algum tempo da cirurgia eu indico o uso de filtro solar para que a cicatriz tenda a ter uma aparência mais adequada. ⠀
- Atividades físicas também deverão ser postergadas. ⠀
- Algumas cirurgias tem grande ganho com a drenagem linfática e outros procedimentos fisioterápicos. ⠀
É muito importante que a paciente confie e escute sua cirurgiã. Fique tranquila iremos conversar sobre esses assuntos várias vezes durante as consultas.

Após uma cirurgia plástica, é importante voltar à pratica de exercícios físicos não apenas pelos benefícios à saúde, mas também porque o procedimento cirúrgico aliado à pratica de esportes é que irá garantir o resultado desejado. As recomendações médicas no pós-operatório devem ser seguidas e respeitado o tempo mínimo para o retorno de qualquer atividade. Em alguns casos, em 30 dias o paciente poderá iniciar o retorno, porém, modalidades com bola e esportes de contato requerem um pouco mais de tempo. Converse com um cirurgião plástico e saiba mais.

Após a cirurgia é importante o auxílio da fisioterapia, com ela conseguimos minimizar edema, dor, rouxidão e desconforto na área operada. Além disso podemos prevenir o surgimento de fibrose e reduzir seroma. O tipo de cirurgia irá nortear o início das atividades de fisioterapia. Costumo indicar às minhas pacientes drenagem linfática e liberação tecidual funcional. Durante a sessão de drenagem linfática pode ser associado o uso de ultrassom visando a redução da inflamação local.

A alimentação no pós operatório pode minimizar alguns desconfortos das pacientes. Evitem:
- Alimentos enlatados e embutidos
- Alimentos ricos em sal
- Alimentos prontos, congelados
- Molhos prontos
- Alimentos ricos em conservantes
- Alimentos fermentados (feijão, ovo, bebidas com gás, cerveja) O excesso de sal gera aumento do edema pós operatório.
- Alimentos fermentados podem gerar dilatação do estômago e gerar dor. Fique atenta!

Confiança! Sem dúvidas um dos aspectos mais importantes na escolha da sua cirurgiã plástica! Não basta ter o preço mais baixo e não ter o suporte no pós operatório.Tem que ser Cirurgiã especialista da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica! Mas também tem que ter empatia, afeto... e essas relações só são criadas durante a consulta médica. Escolher os seus médicos simplesmente enviando mensagens nas redes sociais e perguntando os preços da cirurgia desejada não é justo com você! Você merece mais!!! Se ame mais!!!!!

© 2019 | Dra. Abdulay Eziquiel